domingo, 12 de maio de 2013

Feliz dia das Mães!

 
Diz a lenda que se você entrar no banho e gritar três vezes a palavra 'mãe', aparece uma mulher que te leva a toalha que você esqueceu!

Mãe... Onde está a minha toalha? Onde está a minha roupa? O que tem para comer? Posso sair? Me dá dinheiro? Tô doente! Me dá um remédio...

Quem mais faria tudo isso, se não você mãe?

O que dizer... Te amo? Dar mais um presente? Talvez... mais nada seria melhor do que minha gratidão eterna por ter me gerado, criado, me amado, me ensinado e me suportado!

Feliz dia das mães para você minha amiga, minha amada e minha filha! {Só você vai entender isso, Fofisline! rs}


Contexto histórico sobre o dia das mães:

A data surgiu em virtude do sofrimento de uma americana que, após perder a mãe, passou por um processo depressivo. As amigas mais próximas, para livrá-la de tal sofrimento, fizeram uma homenagem para sua mãe, que havia trabalhado na guerra civil do país. A festa fez tanto sucesso que em 1914, o presidente Thomas Woodrow Wilson oficializou a data, e a comemoração se difundiu pelo mundo afora. As mães são homenageadas desde os tempos mais antigos. Na Idade Média os trabalhadores que moravam longe de suas famílias ganhavam um dia para visitar suas mães, que os ingleses chamavam de “mothering day”.

Mãe é a mulher que gera e dá à luz um filho, mas também pode ser aquela que cria um ente querido como se fosse sua geradora, dando-lhe carinho e proteção. Nesse ponto, entendo que também existe o "Pãe", é isso mesmo (Pai+Mãe), o pai que além de ser pai, fez o papel de mãe! Feliz dia para vocês também! As mães merecem respeito e muito amor de seus filhos, pois fazem tudo para agradá-los, sofrem com seus sofrimentos e querem que estes estejam sempre bem.

Com o passar dos anos, o dia das mães aqueceu o comércio de todo o mundo, pois os filhos sempre compram presentes para agradá-las e para agradecer toda forma de carinho e dedicação que recebem ao longo da vida. No Brasil e nos Estados Unidos o Dia das Mães é a segunda melhor data do comércio, depois do Natal. Nas diferentes localidades do mundo, a comemoração é feita em dias diferentes. Na Noruega é comemorada no segundo domingo de fevereiro; na África do Sul e Portugal, no primeiro domingo de maio; na Suécia, no quarto domingo de maio; no México é uma data fixa, dia 10 de maio. Na Tailândia, no dia 12 de agosto, em Israel não existe um dia próprio para as mães, mas sim um dia para a família. No Brasil, assim como nos Estados Unidos, Japão, Turquia e Itália, a data é comemorada no segundo domingo de maio. Aqui, a data foi instituída pela associação cristã de moços, em maio de 1918, sendo oficializada pelo presidente Getúlio Vargas, no ano de 1932.

* Parte desse contexto histórico, foi tirado do site Brasil Escola, cujo artigo foi escrito por Jussara de Barros, graduada em Pedagogia.

A todas as mulheres que são e não mães, a todos os homens, tios, amigos e parentes que tiveram que assumir este papel, fica esta singela homenagem!


Palavras me faltam...

Zhé Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário