quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

#Sentimentos - Inveja [Invídia]


 Ah... a inveja.

Todos sentem, mas dizem que não.

Há aqueles que dizem que sentem inveja branca, como se a inveja tivesse cor...

Inveja boa, é inveja.

Alguns dizem: "Eu queria ter uma vida como a de fulano ou de sicrano", simplesmente pelo que veem.

Quantas vezes desejei ter outra vida, mas quando comecei a pensar que talvez uma outra vida fosse mais difícil, preferi tentar fazer o melhor com a que tenho.

Aí cabe bem aquele ditado popular: "Mais vale um pássaro na gaiola do que dois voando."

Mas vamos ao que o nosso querido 'amigo'  Wikipédia, tem a nos dizer:

Inveja ou invídia é um sentimento de tristeza perante o que o outro tem e a própria pessoa não tem. Este sentimento gera o desejo de ter exatamente o que a outra pessoa tem (pode ser tanto coisas materias como qualidades inerentes ao ser). A inveja é originária desde tempos antigos, escritos em textos, que foi acentuado no capitalismo, na auto-preservação e auto-afirmação.

A inveja pode ser definida como uma vontade frustrada de possuir os atributos ou qualidades de um outro ser, pois aquele que deseja tais virtudes é incapaz de alcançá-la, seja pela incompetência e limitação física ou intelectual. Ela é ainda um dos sete pecados capitais na tradição católica.

A inveja, conforme Sebastián de Covarrubias, gravura do século 16.

____________________________________________________


Para demonstrar um lado 'doce' da inveja, olha que fofura de inveja (risos) em Você Pra Sempre (Inveja), da dupla Sandy e Júnior:

"Eu só quero estar no teu pensamento
Dentro dos teus sonhos e no teu olhar
Tenho que te amar só no meu silêncio
Num só pedacinho de mim

Eu daria tudo pra tocar você
Tudo pra te amar uma vez
Já me conformei, vivo de imaginação
Só não posso mais esconder

Que eu tenho inveja do sol que pode te aquecer
Eu tenho inveja do vento que te toca
Tenho ciúme de quem pode amar você
Quem pode ter você pra sempre"




A música acima, expressa um pouco da minha invídia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário