sábado, 3 de maio de 2014

Como se já não bastasse...



Como se já não bastasse
o cara ser afortunado,
ainda compartilha de uma beleza exterior.
Respeitando é claro,
todas as exceções.


Como se não bastasse
ser desprovido de formosura,
o coitado também é desafortunado.
Salvo,
mais uma vez,
é claro,
toda e qualquer exceção.


Nenhum comentário:

Postar um comentário