sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Parabéns Saudade!



Fiquei sabendo que hoje é o dia da Saudade.

Mas percebi que saudade não tem tradução!

Saudade não respeita dia, hora e nem local.

Ela bate quando quer, quando menos esperamos.

Podem passar os dias, os anos e todas as horas...

Ela nunca envelhecerá ou morrerá.

Porque saudade não tem idade.

Talvez vaidade!


Nenhum comentário:

Postar um comentário