sábado, 29 de agosto de 2015

Esperando na Janela



Certo dia, o amor bateu em minha janela e sem muitas expectativas eu resolvi abrir.
Conversamos um pouco.
Deixei que ele me apresentasse seu lado da vida.
Percebi que era a sua primeira visita em minha janela.

E nos dias seguintes ele voltou.
A cada novo encontro, ele ia me surpreendendo mais.
Fazia planos, me inseria neles.
Quando de repente, sem aviso prévio, ele me deixou.

Me debrucei para o lado de fora da janela, na esperança de encontrá-lo por ali.
Mas nenhum sinal dele.
Então, resolvi me arriscar, abri a porta e corri a sua procura.
No entanto, eu não sabia onde ele morava.

Fiquei dias parado, olhando freneticamente para a janela sem resposta.
Depois de um bom tempo de busca, vi sua imagem através de outra janela.
Fui até lá e tentei contato, mas não obtive sucesso.
Ele já não me ouvia mais, não me reconhecia mais...

Eu só queria saber aonde tudo se perdeu.
Enquanto a resposta não vem,
O amor não volta,
Eu fico aqui,
Esperando na janela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário