quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Por hora... [2 become 1]



Dos beijos doces que me destes,
Das promessas que me fizestes,
Todas eu guardei.
Guardei-as na caixa das lembranças de curto prazo.

Ainda luto e reputo contra todos,
Mais contra mim, do que contra ninguém.
Pois acreditei no que ouvi.

Embora eu saiba que não estás aqui,
Libero estes sentimentos
Para que sejam apenas boas lembranças livres,
De um tempo bom,
Que não vai voltar mais.



~ # ~


Nenhum comentário:

Postar um comentário