quinta-feira, 16 de julho de 2015

A Biblioteca de Alexandria


A Biblioteca Real de Alexandria foi uma das maiores bibliotecas do mundo antigo. Floresceu sob o patrocínio da dinastia ptolemaica e existiu até a Idade Média, quando supostamente foi totalmente destruída por um incêndio cujas causas são controversas.

Ela continha praticamente todo o saber da antiguidade, em cerca de 700 mil rolos de papiro e pergaminhos. Seu lema era “adquirir um exemplar de cada manuscrito existente na face da Terra”.

A versão dos acontecimentos não é confirmada na contemporaneidade. Atualmente, tem sido estabelecido que a biblioteca, ou pelo menos segmentos de sua coleção, foram destruídos em várias ocasiões, antes e após o século I a.C.

Fonte: Wikipedia

Bom, o caro leitor deve estar se perguntando o que a biblioteca de Alexandria tem a ver com este blog? Ele virou um blog de história?


O lema deste veículo é: "Tentar SER, EStar, PArecer, PErmanecer, FIcar e COntinuar melhor do que ontem". Sendo assim, ao ouvir a música Alexandria, do CD 'Troco Likes' do cantor Tiago Iorc, fiquei intrigado com o título e fui pesquisar mais sobre o tema. A música tem a seguinte letra:

Não tiro a razão de quem não tem razão / Não ponho a mão no fogo pois é verão
Não dou razão pra quem perde a razão / Preste atenção então

Vá procurar o que caiu da mão / Refazer sozinho o caminho olhando pro chão

Gente demais / Com tempo demais / Falando demais / Alto demais
Vamos lá atrás / De um pouco de paz / Aqui tem gente...

Não vi solução na mão da contramão / Brincando com o fogo pela atenção
Perdi a razão com quem me deu razão / Presta atenção, então...

A gente queima todo dia mil bibliotecas de Alexandria
A gente teima, antes temia / Já não sabe o que sabia


A biblioteca, como foi visto acima, foi um grande acumulador de conhecimento, sem distinção de assuntos, apenas um grande centro cultural. Como as causas de sua destruição são desconhecidas, pode se pensar que alguém não estava feliz com aquilo. Assim como acontece nos nossos dias.

A sua destruição nos mostra que quanto mais conhecimento temos, mas ainda temos que aprender. Eu acredito que quem detém todo o conhecimento, é Deus, o criador. E graças a Ele por isso, que ninguém se aproxima d'Ele, pois se não haveriam muitos semi-deuses por aí.

Nesses dias, tenho refletido muito sobre a questão de respeito mútuo. E basicamente, se queremos ser respeitados, precisamos respeitar também. Enfim, não sei se fui claro e direito ao ponto, mas mais uma vez, deixo aqui um pouco da minha reflexão sobre o assunto!

Nenhum comentário:

Postar um comentário